Retrogeek Podcast #57 – Grim Fandango, Full Throttle e Maniac Mansion/Day of the Tentacle

CompatilheShare on Facebook0Tweet about this on Twitter

Mais um 3em1 de games meio roubado. Dessa vez vamos relembrar quatro adventures point and click da LucasArts: Grim Fandango, Full ThrottleManiac Mansion e Day of the Tentacle. Descubra por que Grim Fandango foi injustiçado, quais as referências encontradas em Full Throttle e qual a relação de Maniac Mansion e Day of The Tentacle.

Participantes do episódio:
Caio Hansen, Sidão e JP Moraes.

 

Clique aqui e entre para nosso grupo no Telegram
Clique aqui e entre para nosso grupo no Facebook

 

Ajude o Retrogeek a chegar aos 16bits contribuindo em nosso Padrim!

 

Nosso Feedrss-cast
Nossa página no iTunesitunes-cast
Download do episódio em mp3

Fale Conosco:
Facebook, Twitter, Instagram, YouTube e contato@retrogeek.com.br


Arte da vitrine e edição:
Caio Hansen


Um agradecimento aos nossos retropadrinhos:
Altamiro Francisco Rocha Junior
Caroline Rodrigues Serafim
Elieverson Santos
Lionel Novaes de Freitas
Jeferson de Oliveira Cardoso
Luiz Fernando Moreira de souza
Anderson da Rosa
Rafael Ramalli Da Silva
Tiago Reis
Paulo Roberto da Silva Santos
Caio Vinícius Ney
Jonas Ferreira


 


Deixe seu comentário

  • Lionel Novaes de Freitas

    Fala acumuladores, ai está um tema que curto demais. Acho que nenhum gênero representa melhor a cultura PC Gamer que os Point and Clicks. Acho que todo mundo jogou algum game do gênero, principalmente porque muitos deles vinham com o PC pra mostrar a tecnologia da época, os chamados Kit Multimídia. Lembro quando eu sai de um 486 para um poderoso Pentium, ele veio com dois adventures fantásticos, o Ace Ventura e o Criatura Crunch (esse era totalmente dublado), vale uma busca no google pra ver a qualidade visual, e realmente, estes jogos eram muito diferentes do que a gente encontrava nos consoles, parecia que a gente controlava um desenho animado, com a qualidade narrativa de uma HQ, então eu pirava e ficava horas a fio entretido. Do trio parada dura aqui, meu favorito de longe é Full Throttle, um jogo realmente a frente do seu tempo, com um visual sensacional, mas também joguei o Day of Tentacle e é muito bom. A Lucas Arts marcou uma geração e deixou saudades. Esse assunto saudoso ainda deixa espaço para uma continuação, pois ainda tem o Sam e Max Hit the Road, o meu game favorito, e perólas como The Dig e Monkey Island. Já to indo agora ligar meu emulador de Scumm VR. Hoooooooooooo

  • Junior Xavier

    Ai sim!! Só clássicos. Grim Fandango tem uma historia e personagens muito divertidos joguei/assisti bastante O Maniac joguei no Nes não sei se é o mesmo conteudo do pc. Day só assisti meu primo jogar e dava pitacos. o Full por alguma força desconhecida não joguei.
    Abraço galera.

  • Adilson Cts

    Olá amigos do Retroggek,
    Nunca joguei nenhum jogo desse estilo. O mais perto que cheguei foi ver um amigo jogando Scooby-Doo Mystery, do Mega Drive. Resolvi dar uma olhada na internet para relembrá-lo e descobri que o nome do Salsicha no original é Shaggy Rogers. Acabei também encontrando alguns sites com jogos desse estilo para se jogar online. Parece ter coisa boa, pretendo conferir alguns deles depois.
    Ouvindo o cast me interessei pelo Full Throttlee. Aqui em casa tem um tablete, mas é da minha filha. Acabei achando uma versão do jogo para android. Pensei em baixar, mas aí uma lembrança tomou minha mente…
    Um colega meu deixava o filho de 3 anos jogar GTA, mas sempre sobre os protestos de sua esposa. Um dia ele chegou do trabalho e a criança veio toda empolgada, gritando: “Pai, eu atropelei uma mulher grávida, mó da hora!”, nesse momento ele viu que a mulher estava certa. Pensei um pouco e achei melhor não baixar…
    Spoiler da tirinha desta semana: a lembrança mais antiga (Retrogeek #01).
    Obrigado por mais um cast divertido, e continuem com o ótimo trabalho.

  • Fabricio Rodrigues

    Olá Retrogeeks, tudo bem!

    Nunca joguei nenhum desses games comentados, porem corri atrás, e sim, são muito bons. Não consigo fazer nenhum paralelo com os games da Telltale, é uma experiencia unica.

    Sou ouvinte novo de vocês, “comecei pelo clássico programa da TV MANCHETE” e já me considero um amigo de vocês.
    Continuem sempre nessa vibe boa.

    Um forte abraço.

  • Poxa Fabrício, que comentário bacana. A leitura de feedbacks ja foi gravada, mas na próxima queremos ler o seu no programa ok? Gravamos ela as segundas. Brigadão