Retrogeek Podcast #53 – Era para adultos, mas a gente gostava

CompatilheShare on Facebook0Tweet about this on Twitter

Chegou a hora de relembrar todos os programas, games e outras coisas que eram direcionadas para os adultos, mas a gente gostava. As vezes nos esforçávamos pra consumir, em outras vezes nem tanto. Recebemos o Will do WillWhoCast e nosso parceiro de mesa de bar, Wellington Tavares, pra um podcast que é o retrato de tempos QUASE sem censura!

Participantes do episódio:
Caio Hansen, SidãoJP Moraes, Wellington Tavares e Will (WillWhoCast)

 

Clique aqui e entre para nosso grupo no Telegram
Clique aqui e entre para nosso grupo no Facebook

 

Ajude o Retrogeek a chegar aos 16bits contribuindo em nosso Padrim!

 

Nosso Feedrss-cast
Nossa página no iTunesitunes-cast
Download do episódio em mp3

Fale Conosco:
Facebook, Twitter, Instagram, YouTube e contato@retrogeek.com.br


Arte da vitrine e edição:
Caio Hansen


Um agradecimento aos nossos retropadrinhos:
Altamiro Francisco Rocha Junior
Caroline Rodrigues Serafim
Lionel Novaes de Freitas
Jeferson de Oliveira Cardoso
Luiz Fernando Moreira de souza
Anderson da Rosa
Rafael Ramalli Da Silva
Tiago Reis
Paulo Roberto da Silva Santos
Caio Vinícius Ney
Jonas Ferreira


 


Deixe seu comentário

  • Gostava mesmo 🙂

  • Lionel Novaes de Freitas

    Fala navegantes do tempo. Esse episódio foi muito maneiro e saiu um pouco do ritmo dos anteriores e isso foi bom, deu um frescor, mas sem cair a qualidade, que é o que importa. Lá vou eu relembrar mais uma história das muitas que vem na mente ouvindo o Retrogeek, mas lembro que quando moleque, ainda na escola vivia ouvindo cenas de o Exorcista narradas pelos amigos que já tinham encarado ver o filme. Meu, ouvir que determinado momento a menina girava a cabeça para trás, ou descia as escadas como uma aranha, fizeram minha imaginação ir longe, a ponto de em um dia de pura valentia, peguei a fita na locadora, mas pasmem, eu fiquei numa tensão tão grande e na minha mente era muito errado uma criança ver aquilo, que fiquei tempos encarando a fita até decidir deixar pra ver no outro dia. E não é que eu não consegui dormir a noite, só de relembrar as cenas que eu até então apenas havia imaginado. Conclusão, devolvi a fita sem ver mesmo, e só fui ver o filme, anos depois pela TV a cabo, e ai claro, o filme que eu tinha em mente era bem pior que o filme já envelhecido que vi rsrs ufa….pena que depois fizeram Exorcismo de Emily Rose e essa merda me da calafrios sempre que eu insisto em acordar as 3 da madrugada kkkk.
    É isso ai Retrogeeks, essa foi mais uma historia do Thundercat Forrest Gump. Hooooooooo

  • Robinh_u

    Olá RetroUBAUBAUBAHEYgeeks… kkk..Mais uma vez estou aqui nos comentários, isso já esta virando um hábito…
    Ouvindo o cast, minhas lembranças dessa época explodiram em minha cabeça, varias e varias vezes assistindo TV praticamente no mudo para não correr o risco de ser surpreendido enquanto assistia “documentários” de anatomia humana, exploração espacial e tecnologia avançada, apresentado pela Srª Emanuelle…
    Essa época marcou tanto nossas vidas que em certa vez, estavamos eu, minha excelentíssima esposa e mais 3 casais de amigos conversando em um barzinho, quando minha esposa começou a lembrar de sua finada avó (a qual cozinhava divinamente), e uma dessa lembranças era os almoços de domingo onde a família se reunia. O clima de emoção tomou conta da mesa onde estávamos, as outras esposas começaram a lembrar também de suas histórias de domingos com as família, quando de repente um de meus amigos para lembrar de seus domingos com a família, começou a ecoar o GRANDE MANTRA… Uba Uba Uba Hey…
    Todos os homens da mesa lhe acompanharam, oque além de quebrar o clima ali estabelecido, enfureceu as respectivas esposa… Mas foi lindo!! kkkk

    Playstation 1 – No Cast sobre 1999, sitei que conheci Raimundos quando lançaram o álbum Só no forevis, não foi um engano… eu comecei ouvir pq na época eu namorava uma garota que era muito fã deles e ai ela me apresentou…

    Parabéns pelo Cast… e aguardo novos nessa temática…

    Direto de Marília-SP…
    Para o Retrogeek…
    Robson Robinh_u…
    Aqui – Agora!!!
    kkkkkk

  • Olá amigos
    Eu via cocktail. Muito. E não tinha idade pra isso e, de verdade, não sabia explicar pq eu gostava. Frio? Calor? Era só abrir o soutien. De qualquer maneira, o programa era um gameshow onde um homem e uma mulher disputavam algumas provas. Se o homem vencesse, o strip tease da mulher era completo, se ela vencesse, terminava com calcinha. Pode parecer a coisa mais errada do mundo, mas o completo terminava como terminava a abertura de Tieta (da qual eu também era proibido de ver e não sabia pq gostava).

    Eu tinha muito medo de Jacinto Figueira Júnior, o homem do sapato branco. Lembro de uma matéria onde ele estava no mato. Pediu pro câmera mostrar os sapatos pra dizer quem era. Já estavam bem sujos os sapatos, pq ele estava no meio do mato. Começou a falar de um assassinato e achou um crânio alí caído. Pegou o crânio pelos cabelos e disse “foi muito recente, os cabelos ainda estão grudados”. 3 semanas cobrindo a cabeça na cama pra afastar os fantasmas.

    Também gostava muito dos programas do Eli Correa e do Gil Gomes no Rádio. O Eli contando a história do casal que adotou uma menina e um dia a mulher volta pra casa e vê “OS DOIS ROLANDO NO TAPETE DE SALA”.

  • Junior Xavier

    Muito gravei no vhs, para depois assistir com mais atenção.

  • Oi gente bonita do Retrogeek! Deixando aqui rapidinho um comentário sobre mais um programa divertido e sensacional de vocês. Sobre esse tema me lembrei de algo que minha mãe me falava, de que eu gostava de assistir Cocktail junto com o meu pai e que amava o momento do “tutti-frutti” quando as moças do programa mostravam os peitos pra telinha. HAHAHAHA E que apesar disso, mesmo vendo Cocktail, mulheres sensuais no Sabadão Sertanejo e na Banheira do Gugu, nada disso ajudou a me tornar um homem hétero. Então, pra essas pessoas que acham que um beijo gay na TV influencia as crianças a serem homossexuais, PARA! Vi beijo hétero a vida toda e nem assim fiquei hétero. U.U

    E assim como vocês, assistia Telecurso 2000, Siga Bem Caminhoneiro, Pequenas Empresas e Grandes Negócios,… e via com gosto. Não entendia muita coisa mas achava aquilo tão maneiro que me divertia. Vai me entender rsrs

    Enfim, valeu por mais um retrogeek excelente e continuem sempre com esse trabalho de vocês. Abraços e tchau! 😀

    PS: eu vi “O Exorcista” e “Emanuelle” quando criança e dormi em ambos. Fui rever depois de crescido e achei “O Exorcista” bacaninha e com um final mt feliz pro meu gosto e “Emanuelle” achei datadíssimo pelos belíssimos pêlos pubianos na cara da sociedade! HAHAHA

  • Thiago De Almeida Silva

    Opa, ótimo programa meninos! Deixando meu comentário atrasado. Viver nos anos 90 era uma coisa maravilhosa. Além de tudo que vocês falaram eu lembro também do Fantasia, aquele programa do SBT com as minas de biquini dançando e tal. E tinha um programa na CNT, se não me engano, desses de “papo amizade” que vocês citaram, mas que no final rolava um SHOW DE STRIPPER!!! Quando descobri aquilo fiquei maluco! UHAHUAHUA

  • Maicon Roxo

    Melhor podcast de todos! Na parte da pesca e da banheira do Gugu tive que segurar a risada, dentro do ônibus. Caramba e parece que era ontem quando passamos por tudo isso que vocês falaram no cast. Continuem assim.

  • cassio carlos silvino da silva

    ótimo cast, ri alto na parte do cineprive…hahaha